Registro é gratuito e uniformizará informações

 

                O Brasil é reconhecido como o “grande celeiro” do mundo por sua extensão territorial e possibilidade de expandir as atividades agropecuárias. Mas para que isso aconteça, é necessário que as propriedades estejam equipadas com tratores ou outras máquinas agrícolas. De acordo com o IBGE, são mais de um milhão e duzentos mil tratores em circulação no Brasil em mais de 734 mil propriedades rurais. Para a Associação Nacional de Fabricantes de Veículos Automotores, Anfavea, cerca de 35 mil novos tratores são adquiridos no país.

                Para que tratores e máquinas agrícolas possam circular livremente em espaços urbanos sem sofrerem penalizações, a Secretaria de Inovação, Desenvolvimento Rural e Irrigação do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento em parceria com o Instituto CNA, desenvolveu a Plataforma Digital de Registro e Gestão de Tratores e Equipamentos Agrícolas, o ID Agro.

A novidade lançada mês passado permitirá o registro gratuito de tratores e máquinas agrícolas novos ou usados, uniformizando as informações e o rastreio. Com o registro realizado, será emitido um QR Code para ser afixado no trator ou máquina agrícola e facilitar as operações de fiscalização.

                Com este novo registro, os tratores poderão transitar em vias públicas sem licenciamento e sem emplacamento, e só sofrerão as medidas punitivas vigentes, caso não estejam devidamente registrados no Registro Nacional de Máquinas Agrícolas (Renagro). Também facilitará a comercialização de tratores usados, acesso ao crédito e cobertura contra roubos e furtos.

                Tais novidades é um pedido antigo dos produtores rurais que poderão aplicar o dinheiro que antes era destinado para o pagamento de multa, em suas propriedades, melhorando a estrutura e aumentando a capacidade de produção.

                Além dos benefícios aos produtores rurais, o ID Agro também será eficiente para as autoridades de segurança que poderão acompanhar com mais confiabilidade a movimentação dos tratores e máquinas agrícolas pelo país, tendo acesso mais ágil aos dados do proprietário e onde são usadas.

                O registro é feito somente pelas agências autorizadas da marca do trator ou da máquina agrícola. Por isso, ao procurar por elas, é importante que o produtor esteja cadastrado no aplicativo do ID Agro com seus dados pessoais. A agência fará a análise dos documentos originais do proprietário, da nota fiscal e a numeração do chassi ou de série.

 

Leia também